Visitem nossos Blogs

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Saudade de você...


Quanta algazarra a saudade me faz
Dói tanto que não me sinto em paz
Usa e abusa da minha sensibilidade
Choro e vem à tona toda fragilidade.

Saudade de um amor impossível
É sempre presente, inesquecível
No tempo que separa e atormenta
Fere o coração que já não agüenta.

Quantas lembranças à saudade me traz
Pessoas importantes que não vejo mais
Do valor que com amor me passaram
Na semente plantada se eternizaram.

Saudade também das minhas amizades
A vida fez distância e bate a saudade
Vínculo forte nunca me fez esquecer
Saudade maior é a que sinto de você.


Marisa de Medeiros

M@ria

2 comentários:

Manu disse...

Olá Maria!

A saudade não mata mas mói
a saudade sente-se, ela dói
mais do que outro sentimento
a saudade implica sofrimento

Beijos

Maria L. Bózoli disse...

Manu,

Saudade sempre dói e nostrás sofrimento sim.Ter saudades é sempre bom.

Bom diaaaaaaaaaaa